Oftalmologista esclarece 5 mitos sobre as lentes de contato

Apesar de cada vez mais comum, o uso das lentes de contato está cercado por vários mitos. A lente é uma película curva e delgada que cobre a córnea. As primeiras lentes de contato datam dos anos 30 e ainda eram muito rígidas, o que dificultava seu uso. 


Hoje, a realidade é completamente diferente: novos materiais como o silicone permitem corrigir os defeitos visuais ao mesmo tempo em que oferecem conforto ao paciente. O diretor clínico da Vistta, o oftalmologista Bruno Diniz, esclarece alguns mitos sobre as lentes de contato a seguir, confira:


 


Mitos e verdades sobre as lentes de contato:


 


·        Soro fisiológico é o melhor produto para limpar as lentes de contato


 


Mito: O soro não tem agentes de limpeza que façam a adequada higienização das lentes. Use produtos específicos para a limpeza das lentes.


 


·        As lentes de contato podem se perder dentro dos olhos


 


Mito: Não tem perigo já que a lente fica acomodada no olho e uma dobra na membrana que reveste a conjuntiva impede seu deslocamento.


 


·        Não é possível usar maquiagem nos olhos quando se usa lentes de contato


 


Mito: As lentes não impedem o uso de maquiagem. Quando for utilizar maquiagem nos olhos, coloque as lentes antes da aplicação dos produtos. Além disso, a recomendação é estar sempre alerta à qualidade e vencimentos da maquiagem, para evitar qualquer irritação e infecção nos olhos.


 


·        Lentes de contato não devem ser utilizadas em viagens de avião


 


Mito: Não há restrições quanto ao uso no avião. Porém, em viagens acima de quatro horas de duração recomenda-se que o paciente utilize colírios lubrificantes, já que o ar dentro das aeronaves é muito seco.


 


·        Crianças não podem utilizar lentes de contato


 


Mito: As lentes podem ser utilizadas por crianças e adolescentes, mas apenas o oftalmologista poderá, após avaliação, determinar se há necessidade.

Envie-nos uma mensagem que entraremos em contato em breve.